Eu definitivamente não sou rapariga de saias. Adorava ser, porque adoro vê-las e acho-as super femininas e até mesmo confortáveis, mas eu nem sempre me sinto confortável a usá-las. Como não tenho umas pernas bonitas, desforro-me no inverno, com meias, e jogo para o alto no pico do verão, já bem morena. De resto, acabo por sacar sempre das calças.

Mas quando uso, tanto vou a midis, como minis. Ainda gosto muito de mini saias. A única regra para me sentir confortável com elas é,

Quanto menor é a saia, menor é o salto.

Assim, menor é o risco de parecer too much. Quanto menos comprimento de saia, menos salto no sapato. Directamente proporcional. As easy as that. Se a saia acaba muito acima do joelho, sinto-me mais descontraida, relaxada, com rasos; pelo contrário, se a saia acaba do joelho bem para baixo, com saltos sinto-me menos baixinha.

Aqui este streetstyle a concordar comigo

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.