A surpresa mais desagradável que me aconteceu numas férias, e logo num romântico passeio a dois em Paris, foi acordar com a vontade incontrolável de ir ao quarto de banho e as picadas indisfarçáveis e indubitáveis de que sim, tinha acordado do nada com uma infecção urinária “daquelas”. Em plena Paris! Foi um trinta e nove na farmácia, com o farmacêutico sem perceber o nosso inglês e eu sem sequer uma receita básica ou sem saber como fazer para obtê-la. O que valeu foi que, bem ou mal, lá nos entendemos e o farmacêutico, percebendo que maridón sabia do que estava a falar, lá lhe vendeu as saquetas mágicas que me iriam salvar sem a necessária receita. Mas ainda foi “aquela” angústia, e foram umas horas perdidas de passeio romântico, porque eu estava desesperada e presa ao quarto e naturalmente o efeito apenas se fez notar umas boas horas depois. Nada romântico!

Antes de ser mãe esta não era surpresa recorrente, ms depois de ser, houve um período em que, se me esticasse um bocadinho, lá vinha uma infeção urinária. Passei a ter mais cuidado com calças justas, com a água que bebo ou com muitas horas sem ir à casa de banho, mas agora procuro prevenir de dentro para fora esse tipo de surpresas, seja em alturas de viagens (e hão de voltar passeios românticos a Paris!), seja mudanças na alimentação, ou períodos em que a minha alimentação não esteja tão cuidada, períodos de stress ou mais trabalho e vida agitada. Gosto de cuidar e prevenir de dentro para fora.

Nesse sentido, além de outros cuidados e suplementação, tenho procurado conhecer melhor as vantagens de incrementar a minha população de probióticos, ou seja, queridos inquilinos do meu corpo, as bactérias benéficas que vivem no intestino e melhoram a saúde geral do organismo, trazendo benefícios como facilitar a digestão e a absorção de nutrientes, e fortalecer o sistema imunológico.

De facto, os probióticos são microrganismos vivos que ajudam na digestão e protegem o organismo contra as bactérias nocivas. São conhecidos como bactérias “boas”, que podem pré-existir no organismo, nomeadamente, no intestino, mas também podem ser encontradas em iogurtes e leites fermentados. Também podem ser adicionados a outro tipo de alimentos como a comida infantil, leite, sumos e iogurtes.

Quando a flora intestinal está em desequilíbrio, o que acontece, por exemplo, após o uso de antibióticos ou quando não se tem uma alimentação saudável e equilibrada, o intestino acaba por ser povoado por bactérias más, que não ajudam o sistema imunológico e deixam o organismo susceptível a doenças.

Então, de facto, a suplementação de probióticos ajuda a recuperar o equilíbrio da flora intestinal e/ou vaginal, ajuda a reforçar e incrementar as nossas defesas, pode melhorar os transtornos digestivos, melhora a absorção de nutrientes e ajuda a facilitar a digestão, produz vitaminas e outras substâncias benéficas para o organismo, ajuda a prevenir e a melhorar sintomas de doenças inflamatórias a nível intestinal e também cutâneo, ou vaginal, ajudando ainda a prevenir alergias alimentares.

Conheci recentemente a Lactoflora e tenho tomado os seus probióticos, com múltiplos benefícios, seja em shots de reforço nas férias, ou as cápsulas, para manutenção e ação específica. Lactoflora tem uma gama completa de probióticos para adultos e crianças, e pensando especificamente nas malfadadas infeções urinárias, Lactoflora Uro possui probióticos, extrato de arando verelho e vitamina C, o que contribui para o normal funcionamento do meu sistema imunológico, bem como do trato urinário.

Tenho-me dado muito bem com esta suplementação e garantiu, depois deste período de confinamento e aulas em casa a par de trabalho online, nervos em franja, e alteração tão grande do nosso quotidiano (que, cereja no topo do bolo, muitas vezes se reflecte numa alimentação pouco cuidada), que não houvesse naquele período e neste de descompressão de férias qualquer surpresa desagradável, tem sido um descanso! Vale a pena cuidar e prevenir de dentro para fora.

Parceria Lactoflora

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.